33.4 C
Brasília
18 de outubro de 2019
- Publicidade -

Aparelhos de streaming piratas podem conter malwares e espionar usuários

Author

Categories

Share


Pesquisadores da DCA (Digital Citizens Alliance) e da Dark Wolfe Consulting descobriram que dispositivos para streaming piratas podem conter diversos tipos de malware.

A pesquisa, realizada nos Estados Unidos, considerou versões de acessórios como Chromecast e Fire TV Stick da Amazon, ambos vendidos no Brasil, além do Roku, que é importado de forma independente para o mercado nacional.

Esses media centers trazem uma versão modificada do sistema operacional original, que desbloqueia conteúdos e permite acessar serviços de assinatura sem pagar nada.

Segundo o levantamento os aplicativos pré-instalados podem conter um tipo de malware que pode espionar e roubar dados do usuário.

Os dispositivos são vendidos em versões desbloqueadas, trazendo diversos serviços de forma gratuita, inclusive, aqueles que exigem uma assinatura. De acordo com a Dark Wolfe Consulting, ao menos 40% dos apps pré-instalados são malwares disfarçados.

Em um dos casos, um aplicativo foi capaz de obter 1 TB de dados, dentre fotos e arquivos pessoais do usuário, a partir da rede doméstica.

Outro exemplo de ação encontrado pelos especialistas foi a de um app que copiou login e senha da rede Wi-Fi e enviou essas informações a um servidor localizado na Indonésia.

Fire TV Stick desbloqueado, além de dispositivos de outras marcas, podem trazer malwares — Foto: Isadora Díaz/TechTudo

Fire TV Stick desbloqueado, além de dispositivos de outras marcas, podem trazer malwares — Foto: Isadora

Author

Share