18.9 C
Brasília
22 de novembro de 2019
- Publicidade -

Manifestação “Lula Livre” no STF só atrai pombos

Author

Categories

Share



Enquanto a população brasileira honesta segue preocupada com o fim da prisão em segunda instância, e a libertação de milhares de marginais de toda espécie pelas ruas do país, uma verdadeira “multidão” clamava por Lula Livre em frente ao STF, onde está ocorrendo o julgamento do caso.

Para sorte do Brasil, e do futuro que nos espera, a enorme multidão não existe, foi apenas uma piada, sobrou mais espaço para os pombos de Brasília, que observavam incrédulos os poucos pelegos presentes e olhavam horrorizados para as imagens de Lula.

A foto é um retrato do que restou do PT e seus aliados de esquerda sem o dinheiro público. A verdade é uma só: o povo livre venceu!

Para um dirigente petista, ouvido sob a condição de anonimato, “Lula está se agarrando a uma estratégia inconsequente” ao apostar tudo num habeas corpus no STF.

E conclui: progressão da pena não é uma concessão, é um direito. O Lula criou uma armadilha para si mesmo”. O mais absurdo é o clima de fanatismo existente entre os militantes. No PT, quem diz que Lula deve sair da cadeia é tido como traidor. Janja, a namorada, que fazia pressão para que Lula saísse, já mudou de opinião. Agora quer Lula preso.

É algo inusitado na Justiça brasileira. De qualquer forma, cai por terra mais uma vez a esdrúxula cantilena de ‘preso político’ Lula não passa de um teimoso corrupto e lavador de dinheiro.

Petista é um bicho tão burro, mas tão burro, e tão previsível, mas tão previsível, que todo mundo já sabia que quando chegasse de fato a hora de Lula sair da cadeia por benefício da Justiça (progressão de regime), ele (o petista) ia ficar gritando Lula Livre, de repente, “Lula preso”, após ter passado todos os dias depois da prisão do chefe repetindo o bordão “Lula livre”.

Porque o dia em que Lula saísse da cadeia por fazer jus aos requisitos legais, reconhecidos pela Justiça, significaria que ele de fato cumpriu a pena que eles dizem que Lula não deveria ter cumprido, já que é “inocente”. E se é “inocente”, nem preso deveria ter sido, então ele tem que continuar recolhido ao cárcere. Entenderam a lógica?

E também o dia em que Lula saísse da cadeia cairia imediatamente a sua farsa de ainda ser líder da esquerda e ter alguma relevância política, pela hostilidade ferrenha que ele sofreria no país inteiro, sem se falar que desagregaria o próprio PT e seus satélites, que já estão desagregados.

Finalmente, se saísse da cadeia, Lula deixaria de estar sob a confortável tutela da Superintendência da Polícia Federal, para entrar em uma verdadeira prisão domiciliar, lá no seu apartamento de São Bernardo do Campo, já que nem poderia sair às ruas, de vergonha por onde fosse.

Em sua cabeça doente, é muito mais fácil e confortável para Lula continuar vivendo na mentira de se dizer perseguido e preso político, sendo procurado a todo instante para entrevistas dentro da Superintendência da Polícia Federal, com dezenas de advogados servindo de babás, do que encarar a realidade de, fora da prisão, não ser mais ninguém importante, depois de quase 2 anos trancafiado, sem pessoas o bajulando quando saísse – nem mesmo a militância, pois acabou a mortadela farta de antes.

Aliás, além de não ser bajulado mais, Lula não quer correr o risco de, ao sair da cadeia, encarar o desprezo à sua figura pela quase totalidade da população do país, que se sente roubada com o que ele fez na Presidência da República, e de ser motivo de chacota e piada com essa versão de que ele é “preso político” e que foi “condenado sem provas”, da qual até meu cunhadinho de 8 anos ri.

O petista prefere dar a Lula uma pena perpétua, sem direito a progressão de regime, só pra poder repetir até o final da eternidade que o sujeito é preso político e inocente.
Mas vão ser burros assim lá na casa da Gleisi Hoffmann! Se os petistas caírem de 4 no chão, nunca mais voltam a andar sob 2 pernas de novo. Lula Livre

Author

Share