27.4 C
Brasília
21 de janeiro de 2020
- Publicidade -

Anos 1980 de volta à cena eletrônica de Brasília com álbum de Lucas Daniel Tomáz

Author

Categories

Share



Músicas dos anos 1980 voltam com tudo, desde seriados, roupas e músicas. Neste embalo retrô, músico brasiliense Lucas Daniel Tomáz compõe álbum original baseado nos sintetizadores da Década Perdida

Em 2011, o filme Drive, com Ryan Gosling, trouxe à tona a música Nightcall, de Kavisnski, a qual formaria todo um gênero da década de 2010, o Synthwave. Após isso, houve uma onda oitentista em toda a cultura, até hoje. Uma prova disso é a série Strange Things, da Netflix. Chamado também de Vaporwave, Retrowave, Outrun ou simplesmente Synthwave, o estilo musical inaugurado no cinema fez uma legião de fãs pelo mundo.

Baseado nos timbres de sintetizados da década de 1980, o estilo é bem completo em termos de cultura. A estética é singular e faz parte de todo o aparato da “onda”. Carros em alta velocidade, sol ardente no horizonte, coqueiros, pisos quadriculados, neon, cores berrantes, especialmente o roxo e o púrpura, formas geométricas, tudo invocando o passado pensando sempre no futuro.

No cinema, é inspirado em Johgn Carpenter e seus filmes, especialmente da década de 19080 e 1990. Na literatura, por James Sallis e seu aclamado Drive. A própria capa da versão original tem este clima oitentista. Nos games, temos, dentr outros, Music Racer, jogo “arcade” o qual a jogabilidade depende da música synthwave que você coloca (a estética 80’s ajuda muito). Na TV, Miami Vice e demais séries e filmes. Na música, os sintetizadores icônicos da Década Perdida.

O estilo mostra assim que ao invés de haver saturação ou excesso de nostalgia pela década perdida, o que há novos movimentos, roupagens e interesses pelos anos 1980. Stranger Things confirma isso.

Brasília tem estilo

Este ano, o músico brasiliense Lucas Daniel Tomáz de Aquino lançou um álbum de synthwave. E se um estilo compreende toda uma década, o retrowave que teve início em 2011 foi bem representado.Algumas características são o baixo sintetizado, tempo de 120 bpm, texturas e melodias como chicletes, tudo isso dentro de um DeLorean, à noite, com as luzes dos néons da cidade refletindo em seu óculos escuro.

Lucas Daniel Tomáz de Aquino lançou dia 15 de agosto, nas lojas de músicas digitais, seu primeiro álbum eletrônico, chamado The Synthwave Concert.
Inspirado no synthpop e na new wave da Década Perdida e no som de bandas como Human League, New Order e Depeche Mode, o disco busca resgatar os sons nostálgicos daquela época.

“Existe um revival hoje dos anos 1980, basta ver as séries que assistimos, a moda como nos vestimos e o som que escutamos”, diz Lucas, “mas falta algo, não basta a nostalgia, tem que haver um fundo de verdade no mundo. É por isso que as letras são metafísicas”.  A maioria das letras do disco não são grudentas e não falam de amor, ao contrário, são filosóficas e tocam no ser.

Segundo o músico, a ideia foi ir atrás dos sons de sintetizadores clássicos da época como o ‘Juno-60’ e o ‘106’, de 1982 e 1984, além do TR-808, da Roland, que criou tudo o que se conhece hoje por miami bass.

Lucas Daniel Tomáz, que é DJ desde 1998, já havia lançado em julho deste ano um EP, intitulado ‘Tell us what we are’ e em seguida lançou “Ato e Potência”, música de trabalho deste disco.  Além das faixas citadas, o álbum vem com a canção “Esse” e um remix de UK Garage.

O disco chegou nas principais lojas digitais (Spotify, Deezer, Amazon, YouTube Music, Beatport etc) dia 15 de agosto e teve distribuição mundial pela Indiefy Records.

Aos que preferirem, o músico vai disponibilizar a edição em CD e em vinil 12″ polegadas por encomenda (Vinyl Lab) através do Facebook do autor (facebook.com/lucasfeat).

O single do disco, Ato e Potência, pode ser ouvido aqui:
Youtube Music:
https://music.youtube.com/watch?v=ziQlDQUE-i4&list=RDAMVMziQlDQUE-i4
Spotify:
https://open.spotify.com/album/16bKuRwF3cRgNIY2Fk3yuQ

Serviço:
Álbum: The Synthwave Concert
Artista: Lucas Daniel Tomáz de Aquino
Gravadora: Indiefy Records
Formatos: Digital, CD e LP (verde/transparente)
Google Play: https://tinyurl.com/y5nbzqmg
Spotify: https://open.spotify.com/artist/4YH6vZOSEpOXxTysa1NYzh

 

Author

Share