Distritais fogem da CPI da Pandemia

0
325
CPI da pandemia
Após a ação do MPDFT, dar andamento a segunda fase da operação ‘Falso Negativo’, o requerimento da (CPI) da Pandemia, inicialmente assinada por apenas oito deputados, e considerada inviável, por haver outros dois requerimentos a serem instaurados, já conta com um total de 12, das 13 assinaturas necessárias para garantir a instalação de uma terceira CPI na CLDF.

Distritais fogem da CPI da Pandemia – Presidente da Casa, Rafael Prudente, disse que não vai colocar tema para votação a não ser que pedido de criação da CPI tenha 13 assinaturas. No domingo (13), deputado Daniel Donizet retirou apoio à comissão.

distritais fogem da CPI da pandemia
Esses são os deputados distritais de Brasília, contrários à CPI da pandemia, para apurar irregularidades no SES-DF, no uso de 800 milhões recebidos do Governo Federal.

CPI da Pandemia

Os parlamentares membros da Comissão Especial para Acompanhar os Gastos com Ações de Combate ao Coronavírus no DF (Comissão Especial do Covid), composta pelos senadores Izalci Lucas (PSDB), Leila Barros (PSB), além das deputadas federais Paula Belmonte (Cidadania) e Erika Kokay (PT), entregaram uma carta, ao presidente d CLDF, Rafael Prudente (MDB) com pedido de instauração da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) da Pandemia.

Segundo a bancada, houve emendas federais e repasses da União na ordem de 800 milhões para a saúde do DF e o destino desses recursos precisa ser investigada.

A dispensa de licitação para aquisições durante a pandemia também está na mira dos parlamentares e da Operação Falso Negativo, que apura superfaturamento na compra de testes para Covid-19.

Após a ação do MPDFT, dar andamento a segunda fase da operação ‘Falso Negativo’, o requerimento da (CPI) da Pandemia, inicialmente assinada por apenas oito deputados, e considerada inviável, por haver outros dois requerimentos a serem instaurados, já conta com um total de 12, das 13 assinaturas necessárias para garantir a instalação de uma terceira CPI na CLDF.

Até o momento, além de Leandro Grass, autor do requerimento de pedido de instauração da CPI assinam, também, os deputados: Arlete Sampaio (PT), Chico Vigilante (PT),  Eduardo Pedrosa (PTC), Fabio Felix (PSOL), João Cardoso (AVANTE), Jaqueline Silva (PTB), Jorge Vianna (PODEMOS), Julia Lucy (NOVO), Reginaldo Sardinha (AVANTE), Reginaldo Veras (PDT), Roosevelt Vilela (PSB).

O distrital Daniel Donizet (PL) retirou apoio à comissão.

“A CPI tinha 13 nomes. Cumpriu o que determina o regimento, era só ter instalado. Não foi instalado. Mas o que me incomoda é jogo que está sendo feito no Distrito Federal. Se alguém tem dúvidas do que está rolando, verifica a movimentação do Diário Oficial nos últimas dias. É só olhar a voracidade do Diário Oficial. Só estão baixando demais o nível”, disse o deputado Chico Vigilante.

Já o distrital Fábio Felix (Psol) disse que houve desrespeito ao regimento da CLDF. “Nós passamos aqui três semanas com uma Comissão Parlamentar de Inquérito com 13 assinaturas. Nós passamos por várias estratégias protelatórias, inclusive por diversos não comparecimentos aqui na sessão legislativa para tentar enterrar a Comissão Parlamentar de Inquérito.”

Em resposta às críticas, o deputado Rafael Prudente disse que “não faltou em momento algum boa vontade ou paciência. Mas tudo tem limite”. “Nós demos todas as oportunidades para todas as CPIs serem protocoladas e o número de assinaturas serem incluídas ou retiradas”, disse.

Ao anunciar o fim da sessão por falta de quórum, com a presença de apenas 11 dos 24 deputados, houve um bate-boca entre o presidente e os deputados Júlia Lucy (Novo) e Leandro Grass. Em determinado momento, ele deixou de responder os parlamentares, que o criticaram.

“Uai, presidente, Vossa Excelência está fugindo da sessão?”, disse Grass. Já Lucy afirmou: “O presidente está fugindo toda sessão, toda sessão não quer deixar a gente falar, não quer deixar a gente deliberar”. Alguns segundos depois, os microfones de todos os deputados foram cortados e a sessão deixou de ser transmitida.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui