27.5 C
Brasília
14 de dezembro de 2019
- Publicidade -

Glauber Braga, chama Moro de ladrão e esquece da mãe.

Author

Categories

Share


Glauber Braga – Sergio Moro teve de deixar o plenário da CCJ após uma confusão iniciada pelo deputado (PSOL-RJ), que o chamou de “juiz ladrão”.

Glauber Braga: “O senhor vai estar nos livros de história como um juiz que se corrompeu, como um juiz ladrão. A população brasileira não vai aceitar como fato consumado um juiz ladrão e corrompido que ganhou recompensa para fazer com que a democracia brasileira fosse atingida”, disse o parlamentar.

Mas esquece de seu próprio partido (PSOL) e do aliado irmão (PT) atolados em casos de corrupção. Além de sua própria mãe com inúmeros processos, segundo o Escavador 

De acordo com os dados indexados: Maria da Saudade Medeiros Braga possui 45 processos indexados, até então, pelo Escavador. Com 35 processos no Estado do Rio de Janeiro, além de 10 processos no Brasil. Desses processos, Ministerio Publico do Estado do Rio de Janeiro foi a parte que mais apareceu, totalizando 15 ou mais processos, seguida por Ministério Público com 8 ou mais processos.

Glauber Braga (PSOL-RJ) tem um longo histórico de histeria e descontrole com as palavras (baixo-calão) vamos relembrar os mais notórios:

  • Glauber Braga, xingou e quase partiu para cima do deputado Marco Feliciano.E mandou Feliciano a “p… que o pariu”.“Vai me cuspir também?”, retrucou o deputado-pastor.
  • “Todos sabem aqui nesta sala que Temer é um bandido” “A hora do bandidão Temer vai chegar.”

  • 30 de nov de 2017 – Deputados batem boca e quase se agridem após Glauber Braga chamar deputados de ladrões no plenário.
  • Éder Mauro e Glauber Braga se agrediram numa audiência conjunta das comissões de Cultura e Segurança Pública da Câmara. “Eu, no meu tempo, resolvia isso na bala”, ironizou Alberto Fraga

Além de defender Projeto de Lei para dar salário mínimo, 13º , férias e aposentadoria para presos que trabalham.

 

Author

Share