Bolsonaro refuta e desmoraliza Rede Globo

1
517
bolsonaro desmoraliza rede globo

Bolsonaro refuta e desmoraliza a Rede Globo, após decadente espetáculo proporcionado neste sábado (8) pela dupla William Bonner e Renata Vasconcelos, responsabilizando o presidente nas mortes da Covid-19.

Nas redes sociais, Bolsonaro detonou a emissora.

O presidente disse que “a desinformação mata mais até que o próprio vírus”. E que “o tempo e a ciência nos mostrarão que o uso político da Covid por essa TV trouxe-nos mortes que poderiam ter sido evitadas”.

Na sequência, foi categórico Bolsonaro desmoraliza Rede Globo:

“Essa rede de TV desdenhou, debochou e desestimulou o uso da Hidroxicloroquina que, mesmo não tendo ainda comprovação científica, salvou a minha vida e, como relatos, a de milhares de brasileiros.

De forma covarde e desrespeitosa aos 100 mil brasileiros mortos, essa TV festejou essa data no dia de ontem, como uma verdadeira final da Copa do Mundo, culpando o Presidente da República por todos os óbitos.

Estão com saudades daqueles governantes que sempre os colocavam como prioridade ao fazer o Orçamento da União, mesmo sugando recursos da saúde e educação”.

A imbecilidade passou de todos os limites. Mas, só para resumir de forma bem clara:

(I) – O presidente era contra o lockdown. Defendia o isolamento vertical desde o início, BEM ANTES do carnaval.  A vontade do presidente foi ignorada por prefeitos, governadores e pelo STF e, assim, cada um faz o que acha melhor, mesmo que as decisões sejam completamente incoerentes e absurdas;

(II) – O presidente defendia desde lá atrás o tratamento precoce com Hidroxicloroquina e Azitromicina. Até agora há gente discutindo isso e criando problemas pro tratamento;

(III) – Alguns reclamam da troca do ministro da saúde, mas o ministro da saúde Mandetta pregava que só se deveria ir ao hospital quando o paciente estivesse com falta de ar, o que se mostrou extremamente equivocado, já que, nesse caso, já há comprometimento dos pulmões e a chance de cura cai drasticamente.

O ministro atual prega o tratamento precoce.

Agora pergunto: Se o que o presidente pregava e prega nunca foi colocado em prática, como ele pode ser responsabilizado pelas mortes?

É o equivalente a culpar o goleiro reserva pelo ‘frangasso’ que tomou o titular.

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui