Marchas da Família contra o Comunismo e pedindo a Intervenção Militar

0
568

Marchas da Família contra o comunismo e pedindo a intervenção militar e foi atendida pelo congresso nacional elegendo Castelo Branco. A iniciativa da Marcha da Família contra o Comunismo e Socialismo repetiu-se em outras capitais. Após a derrubada de Goulart pelos militares em 31 de março, os atos ficaram conhecidos como “marchas da vitória” que só no Rio de Janeiro levou às ruas cerca de um milhão de pessoas no dia 2 de abril de 1964.

Lembrem-se que na época a população do país era só de 70 milhões de habitantes.

História distorcida, ensinada por professores esquerdistas, colocando o gramscismo em prática.

Não houve “golpe” nenhum, isso é uma desinformação da esquerda.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui